Blake Lively é uma verdadeira referência e inspiração para nós do blog Aulore Joias. Além de ser linda, carismática e excelente atriz, Blake ainda é a sua própria stylist! Isso mesmo: a atriz americana, que ficou mundialmente conhecida por sua personagem Serena van der Woodsen na série adolescente Gossip Girl, já falou diversas vezes à mídia que ela é a sua própria estilista. O motivo? Sua obsessão por controle combinada a sua ansiedade.

A atriz, nascida em Los Angeles, se diz uma apaixonada por moda e acredita que ela é uma excelente maneira de se expressar de forma imediata. “No meu trabalho, eu tenho que esperar anos para ver o resultado daquilo que fiz. Com a moda, com a maquiagem e até com a cozinha não é assim. Você faz e pensa ‘ufa, está pronta, eu completei isso, já era’”.

Em Hollywood, Blake é uma das poucas celebridades que escolhe todos os seus looks sozinha. Segundo a própria, ela procura as peças na internet e fala diretamente com os designers para conseguir as produções. E que produções! A atriz sempre está divina, seja no red carpet ou no street style. Confere só:

DELICADOS:

O combo cabelo preso + brinquinhos pequenos + maquiagem leve é um dos mais usados pela atriz, principalmente nos eventos mais chiques. Essa é uma ótima opção para quando a roupa escolhida já traz muitas informações em si, como relevos, decote, brilho, diferentes texturas, etc. Dessa forma, é possível estar elegante sem estar over.

MAXI:

Apesar de amar os pequenos e clássicos, a atriz também gosta de ousar e mergulha de cabeça nos maxi brincos quando a ocasião pede um pouco mais. O segredo para não exagerar é dialogar a roupa com o acessório, não investir em nada muito elaborado no cabelo – escolha entre um rabo todo pra trás ou solto – e arrasar na maquiagem, que pode ir desde o olho mais dark até o queridinho “acordei assim”.

COLORIDOS:

Uma das grandes qualidades de Blake, na hora de se vestir, é saber trabalhar com as diferentes cores e tonalidades. Em diversas ocasiões, a atriz apostou nos brincos coloridos combinando com a cor da roupa ou apenas criando um diálogo entre os tons. Lembre-se sempre de que cores quentes conversam com cores quentes e cores frias conversam com cores frias!